Estado repara honra de Cônsul em Bordéus

Foi hoje feita a reparação de honra que o Estado português devia a Aristides Sousa Mendes, embaixador em Bordéus, cidade na qual deu vistos de entrada no nosso país a pessoas ameaçadas pela guerra e genocídio. Em desobediência às ordens de Lisboa libertou milhares de pessoas da morte certa e confirmou para si uma vida de abandono, tendo regressado a Portugal sem a categoria de diplomata e impossibilitado de exercer a advocacia.

Enquanto Cônsul de Portugal em Bordéus no ano da invasão de França pela Alemanha Nazi na Segunda Guerra Mundial, desafiou ordens expressas do presidente do conselho de ministros António de Oliveira Salazar, que acumulava a função de ministro dos Negócios Estrangeiros, e durante três dias e três noites concedeu vistos de entrada em Portugal a milhares de refugiados, incluindo muitos judeus, que fugiam da Alemanha, Áustria, da própria França e dos países já ocupados pelos exércitos alemães, mas também outros indivíduos de cidadania portuguesa, britânica, americana, etc. que tentavam regressar às suas pátrias – in Wikipedia.

Aristides Sousa Mendes foi ostracizado no seu país, viveu em extrema dificuldade, nos seus últimos anos de vida. Salazar não lhe perdoou o mérito que hoje lhe reconhecemos, e o seu bispo “privado” Cerejeira não encontrou caridade “suficiente” para o ajudar no momento certo.

Eram os “pacatos” anos a preto e branco, da definição do “bem e do mal”, sempre esclarecido pelos “homens” certos e de “bem”. Num regime de água benta que aspergia alguns, até porque “muitos são eleitos, mas poucos os escolhidos”!

Casa em Viseu, entretanto restaurada depois de décadas de abandono

Um livre trânsito, com assinatura que valia muitas vidas.

 

Logo

Nascemos porque acreditamos que a Regionalização é uma prioridade política nacional capaz de criar novos dinamismos sociais e económicos para construir uma sociedade mais justa e próspera.

Politicamente inconvenientes precisamos que seja nosso aliado na defesa da região Norte para enfrentarmos os desafios de sempre. Sem medo, com a independência que nos é oferecida pelos nossos leitores de quem dependemos ao produzir diariamente os conteúdos noticiosos que editamos.

Esteja connosco nesta luta comum. ASSINE AQUI. Obrigado

PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com