Cultura no verão de Caminha

“A Cultura bate forte no nosso coração”, conforme sublinhou Miguel Alves hoje, na apresentação do Programa Cultural Verão 2021, e para este verão, o Município preparou um programa que acontecerá de acordo com as normas sanitárias e com a devida autorização das autoridades de saúde. A música é o fio condutor de muitos momentos de grande qualidade, em que se celebrarão os 50 anos do Festival de Vilar de Mouros, se prestará tributo aos Caminhos de Santiago e se dará nova vida a velhas rubricas, como é o caso de “discos perdidos”.

O Programa Cultural Verão 2021 para o concelho de Caminha tem algumas novidades e está adaptado às imposições da DGS. Pretende-se mostrar que o Concelho de Caminha continua a ser um Destino de Confiança. Noites da Vila, Discos Perdidos, Caminha Rumo ao Eclipse, Noites ao Piano são algumas das novidades deste verão.

O programa Cultural arrancou no dia 8 de julho, dia em que se celebra o 97º aniversário de Vila Praia de Âncora com as Noites da Vila ao som de Neev, compositor, multi-instrumentista, interprete e escritor, um dos mais internacionais artistas portugueses, que com apenas um álbum de estúdio editado conquistou a atenção mundial. As Noites da Vila continuam até 11 de julho, com quatro atuações únicas, a terem lugar no Dólmen da Barrosa, um local megalítico e património inestimável nacional. Concertos: No dia 9 Linda Martini, dia 10 Capitão Fausto e dia 11 Samuel Úria, todos a partir das 21horas.

Este é de facto um festival de música inédito em Vila Praia de Âncora, o primeiro a realizar-se durante quatro dias sucessivos e que acontecerá num local emblemático para a História da Vila, o Dólmen da Barrosa.

O Programa Cultural Verão 2021 é composto por 10 projetos culturais que pretendem mostrar que o concelho de Caminha continua a ser um destino de confiança.

I – Noites da Vila, que vão decorrer nos dias 8, 9, 10 e 11 de julho, e que como já referimos, têm como objetivo celebrar os 97 anos desde a elevação de Vila Praia de Âncora a vila.

II – Cinema, com destaque para a programação do Cineteatro dos Bombeiros de Vila Praia de Âncora, com sessões todos os fins de semana de julho e agosto; e a programação da Locus Cinemae a decorrer em Caminha, com um cartaz clubista, dirigida aos amantes de cinema.

III – Biblioteca 4L, que consiste na leitura sobre rodas, ou seja, trata-se de um veículo cheio de livros que vai levar até às praias e outros locais do concelho, a possibilidade de requisitar livros e consultar jornais.

IV – 4 Quartas de Jazz (28 de julho, 4 de agosto, 11 de agosto e 18 de agosto)  que vai levar a Moledo, Caminha e Vila Praia de Âncora quatro concertos de música jazz: “Swing do trombone à fusão da trompete” com António Silva (Trompete), Xavier Ribeiro (Trombone), José Paulo Ribeira (Piano), Jaime Alvarez (Contrabaixo) e Paulo Pinto (Piano); “Violino até Jazz” com Jean-Philippe Passos (Violino), José Paulo Ribeira (Piano), Jaime Alvarez (Contrabaixo) e  Paulo Pinto (Bateria);  “Classic’on Jazz quartet feat. Big Band” com Luís Pinto (Guitarra), José Paulo Ribeira (Piano),  Jaime Alvarez (Contrabaixo),  Paulo Pinto (Bateria) e  Big Band: Sopros da Banda de Música de Antas; “Jazz à Vox” com Daniela Costa (Voz),  José Paulo Ribeira (Piano),  Jaime Alvarez (Contrabaixo) e  Paulo Pinto (Bateria).

V – Lar Sustenido, que consiste em levar a música aos lares do concelho nos meses de julho e agosto.

VI – “31 de julho …a seguir entra agosto” com Quim Barreiros no Forte da Lagarteira em Vila Praia de Âncora.

VII – Discos Perdidos, uma das novidades deste verão, com o Grupo Top 5 vai levar as músicas do século XX ao Largo de São Bento em Seixas (19 de agosto); ao Parque Dr. Ramos pereira, em Vila Praia de Âncora (20 de agosto) e a Dem, frente ao Centro Cultural (26 de agosto).

VIII – Caminho Rumo ao Eclipse – No caminho de Santiago com Tiago Bettencourt composto por 6 concertos, que decorrerão de 20 a 25 de julho, em alguns dos locais emblemáticos por onde passa o Caminho de Santiago – Caminho Português da Costa (Forte do Cão, Âncora; Forte da Lagarteira, Vila Praia de Âncora; Santo Isidoro, Moledo; Pedras Ruivas, Seixas; Ferry Boat, Caminha e Cruzeiro da Independência, Lanhelas).

IX – Vilas People com 6 concertos de qualidade com Vitorino, Dino D’Santiago, Bárbara Bandeira, Tiago Nacarato, Paulo Baixinho e Cláudia Pascoal. O Vilas People arranca com Vitorino, no dia 17 de julho, nas Muralhas de Caminha. No dia 7 de agosto, Dino D’Santiago sobe ao palco do Parque 25 de Abril, em Caminha; Bárbara Bandeira atua no Forte da Lagarteira, em Vila Praia de Âncora, no dia 14 de agosto; no dia 21 de agosto, Tiago Nacarato sobe ao palco do Largo Calouste Gulbenkian, em Caminha; no dia 27 de agosto é a vez de Paulo Baixinho atuar na Praça da República, em Vila Praia de Âncora. O Vilas People encerra com chave de ouro, no dia 4 de setembro, ao som da voz de Cláudia Pascoal, no atua no Forte da Lagarteira, em Vila Praia de Âncora.

X – Vilar de Mouros – 50 anos com David Fonseca, Banda do Filme “Variações”, Rui Pregal da Cunha e Bunny Kills Bunny, é outra das ofertas em agosto.

Para além destes projetos o programa cultural do concelho de Caminha vai muito mais além. Nas noites de 5 e 19 de agosto, os caminhenses serão surpreendidos com “Noites ao piano com maestro António Victorino d’Almeida”.

A Feira Medieval vai ser lembrada no dia 24 de julho, Dia do Foral de Caminha, com a iniciativa Caminha Medieval que inclui a conferência “O Caminho Português da Costa – Rotas, protagonistas e evidências no concelho de Caminha” e o concerto de Música Medieval “Sons da Suévia”.

A Arte na Leira regressa à Serra d’Arga de 17 de julho a 22 de agosto.

Um dos eventos mais aguardados do verão, o Artbeerfest vai animar Caminha de 12 a 15 de agosto. A previsão é para a montagem de uma esplanada gigante no Parque 25 de Abril, com muita música e onde, às mesas, poderá ser apreciada a cerveja artesanal.

No dia 17 de agosto, vai decorrer a homenagem a António Pedro, com a inauguração da escultura de Pedro Figueiredo no auditório António Pedro em Moledo.

De 20 a 22 de agosto, vai decorrer a II Feira do Livro Luso-Galaica da Ribeiro Minho, em Caminha e A Guarda.

Os percursos temáticos são outra das possibilidades deste verão. “As Ruas, as casas, a história e o património da vila de Caminha”, “Experiências e tradições – riqueza de usos, costumes, saberes e sabores”; “Encantos e recantos do concelho – tesouros escondidos”; passeios de jipe e passeios a cavalo são as ofertas disponíveis. As inscrições são gratuitas, mas as vagas são limitadas.

Para quem gosta de arte, há várias exposições disponíveis: “Tempo depois do tempo” do fotojornalista Alfredo Cunha (Museu Municipal de Caminha) e, de agosto a novembro, a Torre do relógio em Caminha terá patente “Fronteiras de água”, exposição comemorativa do 500º aniversário da viagem circum-navegação de Fernão Magalhães. Para além destas duas exposições, pela Galeria de Arte Caminhense vão passar Carlos da Torre, Abalde, Martine, Puskas, Lucie Esteves, Mário Madeira, Mário Garrido, Victor F. Alves, Cachi, Rosário Pedro, José Luís Pais, Cabral Pinto e Fernanda Araújo.

Info – CM de Caminha

Logo

Nascemos porque acreditamos que a Regionalização é uma prioridade política nacional capaz de criar novos dinamismos sociais e económicos para construir uma sociedade mais justa e próspera.

Politicamente inconvenientes precisamos que seja nosso aliado na defesa da região Norte para enfrentarmos os desafios de sempre. Sem medo, com a independência que nos é oferecida pelos nossos leitores de quem dependemos ao produzir diariamente os conteúdos noticiosos que editamos.

Esteja connosco nesta luta comum. ASSINE AQUI. Obrigado

PHP Code Snippets Powered By : XYZScripts.com